Notícias

MAMBORÊ REALIZA EVENTO SOBRE USO, MANEJO E CONSERVAÇÃO DO SOLO.

 

Na manhã desta sexta feira (07) a prefeitura de Mamborê por meio da Divisão do Meio Ambiente realizou um evento sobre uso, manejo e conservação do solo e a importância às estradas rurais. Houve a participação do Ministério Público e Emater.

 

O encontro realizado na sala de reuniões da prefeitura reuniu dezenas de agricultores, representantes de empresas agrícolas, cooperativas e outros profissionais. A ação faz parte das atividades de comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente (05 de junho).

 

O evento contou com a presença do prefeito Ricardo Radomski; promotora de Justiça Dra. Rosana Araújo de Sá Ribeiro que é coordenadora regional do GAEMA – Grupo de Atuação Especializado em Meio Ambiente, Habitação e Urbanismo. Também participaram a promotora de Justiça da comarca de Mamborê Dra. Jessica Aline Soares; supervisor da ADAPAR Emanuel Vaccareli; presidente da câmara Mauricio Jotta Massano; vereador Juvelino Guerra; técnica da divisão do Meio Ambiente Ana Maria Fernandes; secretário de Governo Thiago Zanini e representantes da EMATER local.

 

O prefeito Ricardo Radomski falou da importância do evento e principalmente destacando o trabalho correto de conservação das estradas rurais, que em Mamborê são executadas dentro das normas técnicas. Muitas vezes alguns agricultores não aceitam a forma com que são feitos os trabalho de conservação, mais quero dizer que estamos fazendo de forma correta, com acompanhamento técnico e preocupados com Meio Ambiente, disse o prefeito. “Nunca as estradas rurais estiveram tão bem cuidadas em todas as regiões do município, nossas equipes do setor rodoviário tem trabalhado para fazer o melhor”, concluiu Radomski.

 

O Ministério Público (MP) por meio do GAEMA apresentou diversas informações aos participantes do evento, destacando pontos importantes, como a ZPV- Zona de Proteção verde, que é uma necessidade de saúde pública.  O MP trabalha para atender as necessidades de qualidade de vida, saúde e bem estar do cidadão, afirmando que nenhuma pessoa quer água contaminada na sua torneira.

 

Dra. Rosana também lembrou que a água é publica e que a conservação de estradas, curvas de nível, terraceamento também faz parte do cuidado com a água, pois a contaminação dos recursos hídricos ocorre da má conservação do solo carreando resíduos de agrotóxicos para o leito dos rios.

 

Outro ponto citado na fala do MP foi em relação ao trabalho do SISAGUA, órgão estatal que faz controle da qualidade da água no Brasil, que detectou em muitos municípios do Paraná, contaminação da água por agrotóxicos usados nas lavouras e segundo o MP juntos temos que buscar  soluções para diminuir os riscos de problemas de saúde, oriundos da contaminação da água.

 

A divisão do Meio Ambiente de Mamborê espera que a união de todos os setores da comunidade, aliada as politicas públicas do Governo estadual e federal, possam incentivar a produção de alimentos orgânicos, favorecendo os pequenos produtores que moram próximos aos limites da área habitável, trazendo alternativas para sobrevivência dos nossos pequenos agricultores.

 

O engenheiro Agrônomo da Emater Paulo Cesa fez um palestra sobre o uso, manejo e conservação do solo, mostrando fotos e informações para auxiliar os agricultores em suas atividades e na proteção ao meio ambiente.

 

Voltar

Rua Guadalajara, 645 - Centro Horário de Atendimento 08:00/11:30 & 13:00/17:00 Segunda/Sexta

Mamborê Tel: (44) 3568-8000

CEP: 87340-000